OCD Holding ganha três novos sites desenvolvidos pela 612 Comunicação

O Grupo OCD Holding, de cobertura de notícias sobre transporte e mobilidade urbana, ganhou três novos sites desenvolvidos sob uma mesma plataforma-base. O projeto, desenvolvido pela 612 Comunicação, foi feito em menos de 15 dias, e personalizou ainda mais o projeto, com base no Rio de Janeiro.

https://www.youtube.com/watch?v=5rk44xlCaQQ

Os novos sites do OCD Holding foram desenvolvidos com um tema-base, a partir do qual foi criado um tema-filho para permitir ainda mais modificações e personalização para o grupo. A página inicial é estruturada em grade e não há barras laterais nas páginas de posts. O grupo estabeleceu uma prioridade com as imagens, tendo as notícias como complemento de seu trabalho. “O OCD Holding sempre deu um enfoque nas fotos feitas por sua equipe e daí nasceu a necessidade de uma maior valorização das imagens. A 612 trouxe uma solução com um tema para nosso site que foca a qualidade das fotos atendendo todas as expectativas da equipe.”, comenta JC Barboza, um dos representantes do OCD Holding. Ele também edita o Ônibus Paraibanos, site também construído pela 612.

A partir desta base, foram desenvolvidos três sites; o OCD Holding, com base no carro-chefe do grupo: a cobertura de ônibus e do universo que o compreende; o OCD Spotting, com cobertura de aviões, e o OCD Holding Retrô, com imagens do acervo do grupo, mostrando um pouco do passado do transporte no Rio de Janeiro, cidade a qual tem uma rica história de suas empresas de ônibus.

Os novos sites trazem o conceito mobile first, priorizando a leitura por dispositivos móveis, que também são o foco de recursos implantados pela agência para os mesmos. Eles já são adaptados para AMP – Accelerated Mobile Pages – do Google, bem como o Facebook Instant Articles, que permite a abertura de artigos com maior velocidade de carregamento diretamente do aplicativo da rede social.

“O OCD está entre os primeiros, desde os tempos que era apenas um fotopage, a trazer fotos das novidades da empresas em primeira mão, seja direto das fábricas ou nas dependências das empresas.”, diz JC Barboza, relembrando que o site estreou em plataformas prontas, primeiramente no já extinto Fotopages, depois no WordPress.com, de onde migrou para a atual plataforma, baseada no WordPress.org.

Compartilhe este post